19/02/21 09:09

Caixa e empregados merecem respeito

WhatsApp Image 2021-02-18 at 11.32.31.jpeg

A história dos 160 anos da Caixa é a história dos milhares de bancários que se esforçaram e se esforçam para garantir a função social do maior banco público da América Latina. São trabalhadores competentes e resilientes, que merecem respeito e dignidade.

Hoje, o que vemos da diretoria da Caixa não é isso. A reestruturação das áreas do banco, feita por baixo dos panos e com objetivos de privatização, é o perfeito exemplo. Os trabalhadores seguem às cegas, preocupados e inseguros com o seu futuro profissional, sem informações oficiais do banco. Áreas estão sendo extintas e empregados realocados sem justificativa alguma. Além disso, o desrespeito se mostra nas condições de trabalho e nas metas abusivas impostas aos bancários que, apesar do trabalho fundamental que vêm exercendo, se encontram acuados e adoecidos.

Temos urgentemente que unir nossas vozes contra esse absurdo e exigir, pura e simplesmente, respeito ao banco e aos empregados. Essa perseguição aos trabalhadores foi devidamente denunciada ao Ministério Público do Trabalho pela Fenae e a Contraf-CUT no último dia 8. Agora, aguardamos a resposta da Caixa. Mas não calados!

Vale destacar que em decorrência dos últimos acontecimentos a  CEE/Caixa está desenvolvendo um calendário de lutas fortalecendo a Campanha de Valorização dos empregados, a começar com um tuitaço nesta sexta-feira (19) em defesa dos empregados da Caixa 100% pública.

É fundamental que cada trabalhador se levante e se una à luta pela Caixa 100% pública e por respeito e dignidade aos bancários.

Juntos somos mais fortes. Seguimos!

 

Paulo Matileti

Presidente da APCEF/RJ

Compartilhe