21/12/20 12:19

STF mantém na Justiça do Trabalho Ação Civil Pública que obriga a Caixa a contratar concursados

VITORIA_.png

Na segunda-feira, 14 de dezembro, o Supremo Tribunal Federal manteve na Justiça do Trabalho a Ação Civil Pública do Ministério Público do Trabalho, que visa a contratação dos concursados da Caixa de 2014. Fenae e Contraf-CUT, assistentes da ação, comemoraram a decisão. 

Assim, caso a Caixa perca o recurso que fez na segunda instância, será mantida a sentença proferida em primeira instância na Justiça do Trabalho, que obriga a empresa a alongar a validade do prazo do concurso público dos editais de nível médio e superior de 2014, bem como apresentar estudo de dimensionamento do seu quadro de pessoal para pôr em prática a contratação de cerca de 2 mil concursados daquele ano. 

“Essa decisão do STF é considerada uma importante vitória das entidades reprentativas dos trabalhadores, em especial para a Fenae e a Contraf-CUT, que há tempos lutam na justiça pela contratação dos concursados de 2014. Agora nos resta torcer para que a decisão em primeira instância seja mantida e os concursados contratados”, disse Paulo Matileti, Presidente da APCEF/RJ.

Compartilhe